quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Se estiver difícil, coma morangos...

Você já se sentiu preso alguma vez tentando resolver alguma coisa, se esforçando, dando o melhor de si e mesmo assim não ter o resultado que queria? Ou mesmo ter a sensação de que você tem todas as possibilidades de resolver, mas não tem mais tempo, seu prazo já se esgotou?

Já esteve em uma situação em que o sentimento é "Se correr o bicho pega, se ficar o bicho come?" e por mais que queira se salvar não consegue enxergar a luz no fim do túnel?

Isto me faz lembrar a história da pessoa que estava correndo na mata de uma onça e de repente caiu em um precipício, por alguns segundos pensou estar completamente perdida, mas no meio da trajetória sua queda teve fim e se viu em um barranco. Ficou muito aliviada, estava a poucos metros do chão, mas quando foi avaliar uma forma de descer viu que um gigantesco urso a esperava faminto lá embaixo. Ela olhou para cima uma onça, olhou para baixo, um urso... Olhou para o lado no barranco e viu um ponto vermelho quase brilhante, era um morango silvestre, um presente de Deus ali no momento presente. Ela olhou de novo para cima e lá estava a onça, olhou para baixo, o urso, então pegou o morango e o saboreou como nunca havia feito antes na vida...

Se está se sentindo preso, sem saída, sem saber o que fazer para resolver as suas coisas, faça como Dil Márcio sugeriu: "Se o seu problema tem solução não se preocupe com ele. Se não tem solução, porque está se preocupando?"

Muitas vezes repetimos situações e problemas e tentamos resolve-los fazendo sempre da mesma maneira e não saímos do lugar. Às vezes a situação nos faz sentir desesperados, sem rumo, sem apoio, sem recursos, sem ferramentas que nos ajudem, não é mesmo?

Usando uma metáfora interessante é como se estivéssemos tentando abrir um cadeado com uma chave que não é a correta...

E então, se você estivesse abrindo o cadeado e visse que a chaves não era dele, o que você faria?

Claro que buscaria outras chaves, não ficaria ali gastando seu tempo com uma chave que comprovadamente não abriria o cadeado...

É preciso fazer algo diferente, mover-se para o desconhecido, buscar outras alternativas, outras formas de resolver a questão.

Um desafio e tanto que precisamos vencer é ter coragem de abandonar o conhecido, o que sabemos sobre como fazer isso,  para deixar que idéias novas possam nos ajudar.

Ter coragem de abrir a mente para o novo, de se permitir deixar o velho ir de verdade, limpar a vida do que está cheirando mofo,  enxergar que nada na vida é permanente, ver com olhos de ver, ouvir com ouvidos de ouvir e ser o que você quer ser sem amarras...

Se por acaso você estiver se sentindo sufocado abra a janela, respire mais profundamente e veja no seu jardim que é preciso tirar as ervas daninhas, mas veja as flores e as plantas também...

Tudo vai dar certo, abra a sua mente e o seu coração para receber a Inspiração Divina e assim que isso acontecer, acredite na sua intuição, coloque imediatamente as idéias em ação - AJA e AGRADEÇA!

Não sei quem disse isso mas é uma frase bacana "No final tudo dá certo, se não deu certo ainda é porque não chegou o final".  Tenha fé porque todas as adversidades são oportunidades e fortalecem nosso espírito!

Todas as boas energias para você. Sou grata e lhe envio amor.

Abraços

Keli

2 comentários:

  1. OLá Keli,

    Parabéns pelo seu blog e pela sua disponibilidade em divulgar as excelentes meditações guiadas. Também sou psicologa e trabalho com orientação profissional.

    abs,

    Luciana
    www.profissaofuturo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Luciana,

      Sou grata por suas palavras!

      Abraços!

      Keli

      Excluir